• Miriam Olivia

2ª Edição do Evento Law Experience, dessa vez sob o tema “Jurisdição Constitucional e Direitos Funda


Ontem, dia 19 de abril de 2021, realizamos a 2ª Edição do Evento Law Experience, dessa vez sob o tema “Jurisdição Constitucional e Direitos Fundamentais”


O evento é organizado dentro da disciplina que eu ministro de Oficina de Pesquisa Científica na FAE Centro Universitário e, nela os alunos aprendem a organizar um evento desde o planejamento até a publicação de uma coletânea, sempre sob a minha supervisão! É um evento incrível que vem se superando a cada ano!

Ontem contei com a excelente organização dos alunos: Ana Laura Almeida De Moura, Ana Laura Fonseca Franke, Enrico Cattoni Poffo, Gabriela Heller Ramos, Giovanna Baggio Flores, Isadora Serpe Motta, Júlia Piazera, Maria Eduarda Penha De Almeida e Rafaela Cardoso De Brito







Tivemos duas palestras incríveis: com o Professor Dalton Borba e com a Professora Luciana Ferreira de Mello, ambas foram excelentes!








As apresentações de trabalho foram ímpares! Tivemos alunos da FAE, da Unifacear, da UFSC, da PUCPR e tantos outros! Foi uma honra ver alunos desde o primeiro período da graduação até e pesquisadores de doutorado prestigiarem o evento!



Um agradecimento especial a Camila Marques, Eduardo Schame, Ariê Ferneda, Daniel Castanha, João Godri, ao meu orientando Vinícius Quarelli e a maravilhosa esplêndida Júlia Gitirana que prestigiaram e participaram do evento!


Agradeço aos coordenadores Karlo Vettorazzi e Gilberto Andreassa por sempre apoiarem essas ideias e transformarem em um legado!


Em breve teremos o edital para publicação na Coletânea de Artigos que os próprios alunos irão organizar!

Compartilho os títulos dos trabalhos que foram apresentados:


· “JUDICIALIZAÇÃO DAS POLÍTICASPÚBLICAS DE SAÚDE DURANTE A PANDEMIA NO BRASIL” de Ana Laura Franke e Ana Laura Moura


· “JURISDIÇÃO CONSTITUCIONAL E O PAPEL DO STF EM TEMPOS DE PANDEMIA” de Udo Guilherme Lutz


· “A INTEGRAÇÃO ENTRE A JURISDIÇÃO CONSTITUCIONAL BRASILEIRA E A COLOMBIANA: O CASO DO ESTADO DE COISAS INCONSTITUCIONAL” de Daniel Freitas e João Paulo Godri


· “A HOMOFOBIA SOB A ÓTICA DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL BRASILEIRA” de Enrico Poffo


· “O TRÁFICO INTERNACIONAL DE PESSOAS E A SUA INFLUENCIA NO CONTEXTO MUNDIAL” de Gabriela Heller e Julia Piazera


· “DIREITO DA PERSONALIDADE E PRINCÍPIO DA DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA: REFLEXÕES SOBRE O MORRER DURANTE A PANDEMIA COVID-19” de Karina Silveirae Thabata Nicolau


· “FEMTECHS: UM MUNDO VIRTUAL NADA COR-DE-ROSA” de Gabrielle Canalli


· “DIREITO FUNDAMENTAL À EDUCAÇÃO BÁSICA OBRIGATÓRIA E DIGITAL: A CONTRIBUIÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PARA A PROMOÇÃO DE IGUALDADE MATERIAL” de Anna Victória de Lima, JefersonSantos e Daniel Freitas


· “A DEMOCRATIZAÇÃO DO ACESSO AO ENSINO SUPERIOR A PARTIR DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: A CONCRETIZAÇÃO DO DIREITO FUNDAMENTAL À EDUCAÇÃO SUPERIOR” de Danielle Uessler e DanielFreitas


· “TRAÇOS COMPARATIVOS ENTRE A PACHAMAMANA CULTURA ANDINA E O CONSTITUCIONALISMO BRASILEIRO: EM BUSCA DE UMA VISÃO DESCOLONIAL E BIOCÊNTRICA” de Karoline dos Santos, EduardoBarbosa e Camila Marques


· “COVID-19 (CORONAVÍRUS ) E A AMEAÇA DO CONSTITUCIONALISMO ABUSIVO” de Ariê Ferneda


· “SOBRE A FUNDAMENTAÇÃO DAS DECISÕESJUDICIAIS ENQUANTO DIREITOFUNDAMENTAL A PARTIR DA CRÍTICA HERMENÊUTICA DO DIREITO” de Vinícius Quarelli e Miriam Olivia Knopik Ferraz


· “O TRATAMENTO CONSTITUCIONAL DO DIREITOAO VOTO AO LONGO DOS TEMPOS: DE 1824 A 1988” de Clayton da Costa, Eduardo Barbosa e Camila Marques


· “UMA ANÁLISE DA ADI 4893 E SEUS REFLEXOS: QUANDO O CONTROLEDE CONSTITUCIONALIDADE ENCONTRA O DIREITO ANIMAL” de Ariê Fernedae Katherine Marcopoulos


· “A UNIÃO CIVIL DE PESSOAS DO MESMO SEXO E O PRINCÍPIODA BUSCA PELA FELICIDADE: A POPULAÇÃO LGBTQ+ EM FOCO” de Paola Carolina Gelasco, Eduardo Barbosa e Camila Marques


· “DA PASSARELA DE RATOS AO DESFILE DE JACARÉS: O BRASIL 2021 À MODA 1904 E O ANTAGONISMO DE DIREITOS FUNDAMENTAIS” de Isadora Motta e Matheus Landuche

· “A PRÁTICA DA VAQUEJADA SOB A ÓTICA DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL BRASILEIRA” de Giovanna Baggio e Maria Eduarda Penha


· “A CENSURA ECLESIÁSTICA COMO RECURSO RESTRITIVO À CRIAÇÃO DE CONTEÚDO DIGITAL: DIAGNÓSTICO DO CASO “ESPECIAL DE NATAL PORTA DOS FUNDOS – A PRIMEIRA TENTAÇÃO DE CRISTO” de Isadora Motta


Comitê de avaliadores:

Profa. Júlia Heliodoro Souza Gitirana, Prof. Karlo Messa Vettorazzi, Profa. Luziana Ferreira de Melo, Profa. Miriam Olivia Knopik Ferraz, Profa. Thais Savedra de Andrade.




11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Sobre a sua crise existencial com o seu tema de pesquisa

Olá pessoal, tudo bem? Vamos falar sobre esse momento delicado ! Nesse vídeo eu explico vários motivos para você estar nesse momento e quais são as possibilidades. Você sempre pode mudar de tema, mas